Brasil receberá US$ 4,8 milhões para ozônio

por Ceres Battistelli | cerestb@gmail.com

O Brasil obteve a aprovação de mais 4,8 milhões de dólares para continuidade das ações de proteção da camada de ozônio. A destinação dos recursos foi aceita pelo Comitê Executivo do Fundo Multilateral para implementação do Protocolo de Montreal, acordo internacional que, há 30 anos, controla as substâncias destruidoras do ozônio. Também foram aprovados 540 milhões de dólares para o triênio 2018-2020.

Adote uma árvore
As pessoas que quiserem contribuir com a arborização da cidade de Curitiba, podem solicitar uma muda ao Horto Municipal por meio da Central 156. A iniciativa integra o programa Adote uma Árvore. A entrega da muda só acontece após a análise de técnicos da prefeitura, que sugerem as espécies mais adequadas para o local onde o solicitante pretende plantar.

Novas espécies de inseto são descobertas no litoral
Foram descobertas recentemente espécies desconhecidas de cigarrinha, na Reserva Natural Guaricica, no litoral paranaense. O autor da descoberta, professor Rodney Ramiro Cavichioli, do departamento de Zoologia da Universidade Federal do Paraná (UFPR), explica que, diferentemente das variações conhecidas de cigarra, as novas espécies não “cantam”. Elas pertencem a um grupo chamado popularmente de cigarrinhas, que, segundo Cavichioli, até emitem sons, mas em frequências inaudíveis para seres humanos.

A reserva, administrada pela Sociedade de Pesquisa em Vida Selvagem e Educação Ambiental (SPVS), está localizada no maior remanescente contínuo do bioma Mata Atlântica e é cercada por outras unidades de conservação.


Novas espécies de cigarrinhas descobertas no Litoral.
Foto: Divulgação/SPVC

Projeto inédito ensina a cultivar alimentos orgânicos
Um projeto inédito no Brasil, que une educação e conscientização ambiental, tem mudado o hábito de muitos moradores de Carazinho, cidade gaúcha com pouco mais de 60 mil habitantes. Em um ano, mais de 1,4 mil pessoas foram impactadas pelo “Educação & Sustentabilidade”, que ensina aos alunos de escolas públicas, professores e seus familiares sobre como cuidar do meio ambiente.

Fonte: BEM PARANÁ > Notícias > Conteúdo Sustentável