Bairro de Vila Carioca – Município de São Paulo – Ipiranga

Vila Carioca – Município de São Paulo
A área contaminada crítica da Vila Carioca abrigou, no passado, operações de várias empresas, entre elas a Shell Brasil Ltda., com instalações na Rua Auriverde, 2.028 e na Avenida Presidente Wilson, 6.351, onde manteve uma base de distribuição de combustíveis.
Outras empresas que mantiveram operações na área são:
  •  Tambortec Comércio de Tambores Ltda. (Huang Hsiow Ming) – Avenida Carioca, 340
  •  Carboroil Comércio de Derivados de Petróleo Ltda. – Avenida Carioca, 306
  •  Risel Comércio de Produtos Derivados de Petróleo Ltda. – Avenida Carioca, 745
  •  Inlac Comércio de Produtos Trefilados Ltda. – Rua Auriverde, 1841/1921
  •  Perfil Produtos Siderúrgicos Ltda. – Rua Auriverde, 1652/1672
  •  Redecar Redecorações de Autos Ltda. – Avenida Carioca, 195/205
  •  Juan Carrilo Puche – Avenida Carioca, 368
Zanettini Barossi S/A Ind. e Com. – Avenida Carioca, 446/490
A Shell Brasil Ltda. apresentou revisões das avaliações de risco que, após análise na CETESB, deverão ser complementados com novas informações. Nas outras empresas, a CETESB está exigindo novos monitoramentos para a avaliação da área afetada e da intensidade das contaminações, bem como relatórios com todas as medidas de remediação adotadas.
A Zanettini Barossi S/A Ind. e Com. já implantou e colocou em operação um dreno horizontal para a extração de vapores, por meio de um sistema de bombeamento em duas áreas. Além disso, implantou uma barreira reativa em 23 pontos junto ao muro que faz divisa com um condomínio residencial, para impedir o avanço da pluma de água contaminada. Segundo relatório final do ensaio-piloto, a medida demonstrou eficiência na redução dos compostos de interesse.
Apesar disso, foram instalados novos poços de monitoramento para refinamento da delimitação das plumas horizontal e vertical. Foi realizado, ainda, o monitoramento do ar no contrapiso em dez pontos na área da empresa, nas residências da Rua Brás de Pina e no condomínio.