Reunião em Araraquara inicia discussão sobre descarte de embalagens de agrotóxicos

As embalagens de agrotóxicos representam um problema ambiental na área rural, exigindo dos agricultores conhecimento dos procedimentos a serem observados, para evitar o descarte em local inadequado colocando em risco os mananciais de água e saúde do homem e dos animais.

Por esse motivo, a CETESB – Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental realizou uma reunião técnica sobre “Coleta e Destinação Final de Embalagens de Agrotóxicos”, com a participação de técnicos de várias áreas e representantes do INPEV – Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias.

O encontro ocorreu no dia 27 de setembro último, na Agência Ambiental de Araraquara, iniciando um processo de discussão e de estudo de casos sobre o assunto para definir uma política de fiscalização e controle e estabelecer uma sistemática de coleta e destinação das embalagens.

A reunião foi coordenada pelo diretor de Controle de Poluição Ambiental da CETESB, Otávio Okano, contando com a participação dos assessores Geraldo do Amaral Filho, Nicanor Barros Maia e Elton Gloeden, dos gerentes regionais Luiz Roberto Neme, Marcos Antônio Sanchez Artuzo e Geraldo Gehre Chagas, e do gerente da Agência Ambiental de Araraquara, José Jorge Guimarães.