Engenheiro e químico, Otávio Okano assume a presidência da CETESB

A presença de deputados estaduais e federais, ao lado de representantes dos diversos órgãos do Governo do Estado e de entidades do setor produtivo, entre outros, marcou a posse, em 24.02, do engenheiro Otávio Okano na presidência da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo – CETESB. A solenidade ocorreu no auditório da instituição, com a participação maciça dos funcionários da casa.

Entre os presentes encontravam-se o secretário estadual do Meio Ambiente, Bruno Covas, os deputados federais Duarte Nogueira e Alberto Mourão, e os deputados estaduais Samuel Moreira e Pedro Tobias, que compuseram a mesa com o novo presidente e o novo diretor de Gestão Corporativa, Sergio Meirelles Carvalho, que também tomou posse do cargo, além do ex-presidente Fernando Rei.

Bruno Covas, para quem a CETESB, “mais do que o coração, é o próprio sistema vascular da Secretaria do Meio Ambiente”, afirmou que o governador Geraldo Alckmin, ao avalizar o nome de Otávio Okano, aposta no próprio servidor da casa, que conhece as demandas que afluem à instituição e tem consciência de que é preciso atendê-las de forma ágil e imediata. O secretário disse ter a convicção de que o novo presidente saberá conduzir a CETESB, consolidando-a como uma das mais importantes agências ambientais do mundo.

Okano, engenheiro civil e químico, é funcionário de carreira da CETESB, onde ingressou em 1978, tendo galgado todos os degraus da hierarquia funcional, iniciando suas atividades profissionais em inspeções em indústrias, coletas de amostras de águas e efluentes, passando a gerente da Divisão de Laboratórios de Ribeirão Preto e a gerente Regional da Bacia do Mogi–Guaçu e Pardo, até ser chamado para ocupar o cargo de diretor de Controle de Poluição, indicado pelo, então, presidente Rubens Lara, a quem credita a sua experiência administrativa e política.

Lembrando a sua carreira, em que ocupou a Diretoria de Controle de Poluição por duas vezes e a presidência por uma vez, disse que volta novamente à direção da companhia para consolidar a unificação do licenciamento ambiental.

No seu entender, a CETESB, com mais de quarenta anos de existência, deve ao seu quadro funcional o prestígio que desfruta nacional e internacionalmente. “Temos funcionários de idades variadas, precisamos unir a experiência e conhecimento dos mais antigos com a dos mais novos, para fazer com que a CETESB continue crescendo como referência na área ambiental”, disse.

Sergio Meirelles Carvalho tomou posse como diretor de Gestão Corporativa. Advogado e professor universitário, tem longa experiência na área pública, tendo atuado como coordenador de Polícia na Secretaria da Segurança Pública e como superintendente administrativo e financeiro do Centro de Estudos e Pesquisas de Administração Municipal – CEPAM, órgão da Fundação Faria Lima.

O termo de posse de Otávio Okano e de Sergio Meirelles Carvalho foi lido pelo secretário executivo do Conselho de Administração da CETESB, Galdino Inacio de Souza Neto.

Texto – Newton Miura