CETESB lança “Estudo dos Compostos Orgânicos Voláteis na atmosfera do município de Paulínia”

O estudo é fruto de estrutura laboratorial montada pela CETESB para coleta e análise desses compostos.

A CETESB – Companhia Ambiental do Estado de São Paulo concluiu um estudo que avalia os níveis de 17 compostos orgânicos voláteis – COV – na cidade de Paulínia, interior de São Paulo.

O Relatório intitulado “Estudo dos Compostos Orgânicos Voláteis – COV – na atmosfera do município de Paulínia – SP” apresenta dados coletados simultaneamente em cinco áreas na cidade, no período de agosto a novembro de 2017.

A publicação é decorrente da montagem pela CETESB de estrutura laboratorial para análise de compostos orgânicos voláteis na atmosfera, baseado em treinamento realizado na EPA – EUA – para desenvolvimento das técnicas de coleta, análise, bem como de desenvolvimento de metodologia.

Localizado na Região Metropolitana de Campinas, o município de Paulínia possui um grande parque industrial, onde estão instaladas diversas fontes potencialmente emissoras de poluentes atmosféricos, destacando-se o polo petroquímico, distribuidoras de derivados de petróleo, indústrias químicas e de fertilizantes. A presença dessas fontes tem sido alvo de maior atenção por parte dos órgãos públicos no que se refere às condições da qualidade do ar do município.

Dentre os poluentes presentes na atmosfera, além dos regulamentados na legislação, destacam-se os compostos orgânicos voláteis – COV -, que podem se originar naturalmente, a partir de emissões biogênicas e/ou resultarem de atividades antropogênicas, como emissões veiculares, produtos de petróleo, químicos, indústrias manufatureiras, operações de pintura, entre outras.

A avaliação e o controle desses compostos têm grande importância, pois desempenham um papel significativo na formação do conjunto de oxidantes fotoquímicos, dos quais se destaca o ozônio.

Disponível na íntegra para consulta em:

cetesb.sp.gov.br/ar/wp-content/uploads/sites/28/2021/04/Estudo-dos-compostos-organicos-volateis-COVs-na-atmosfera-do-municipio-de-Paulinia-SP.pdf

Revisão: Cristina Leite
Foto: EQAA
Produção gráfica site: Kissy Harumi.