Onda de calor vinculada às mudanças climáticas provocou morte em massa de aves marinhas

da AFP

Washington — Cerca de um milhão de aves marinhas do Pacífico Norte, conhecidas na região como airo, morreram durante uma onda de calor na temporada 2015-2016. De acordo com cientistas, a mudança climática interrompeu a cadeia de abastecimento de alimentos, fazendo com que as aves sofressem de inanição. Esse é o maior registro de mortalidade em massa já catalogado entre aves…

Fonte: AFP/UOL Notícias > Meio Ambiente