Técnicos da CETESB atendem emergência na região de Itu

Técnicos da Agência Ambiental de Itu da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo – CETESB estão acompanhando, em 20.01, as operações emergenciais em torno de um acidente envolvendo dois caminhões que colidiram na altura do km 25,5, Pista Sul, da Rodovia SP-75, em Itu. O acidente ocorreu por volta das 12h50.

O caminhão pertencente à Julio Simões Logística, que ia de Campinas para Sorocaba e transportava embalagens vazias, colidiu com um outro caminhão à sua frente, pertencente à transportadora Tquim, que vinha da Rhodia de Paulínia e se dirigia à empresa Iharabrás, em Sorocaba, carregando cerca de 15 mil litros de Acetato de Etila, produto químico inflamável.

No acidente, a válvula do tanque do veículo da Tquim ficou danificada e aproximadamente metade da carga já havia vazado até às 16h45. Os cerca de 7.500 litros do produto que vazaram e atingiram a canaleta de águas pluviais da rodovia, no entanto, estão contidos por diques feitos com terra, na própria canaleta. Por precaução, em função da característica de inflamabilidade do produto, a Polícia Rodoviária Federal interditou as pistas da rodovia, nos dois sentidos, isolando o local do acidente e desviando o trânsito de veículos para outras vias alternativas.

Encontram-se no local, além da CETESB e da Polícia Rodoviária, homens do Corpo de Bombeiros e técnicos da Concessionária Colinas e da Rhodia. Segundo o técnico Silvio César, da Agência Ambiental de Itu, um caminhão da SOS Cotec, empresa especializada no atendimento de acidentes com produtos químicos, estava se dirigindo para o local, para proceder às operações complementares, que devem envolver a improvisação de uma “piscina” embaixo da válvula avariada, para receber o resto do produto que está vazando, e sua transferência para um outro caminhão da Rhodia, que já se encontra no local. A terra do dique de contenção, contaminada com o produto, deve ter como destino um aterro de resíduos sólidos aprovado pela CETESB. Com a conclusão desses trabalhos, as pistas da rodovia SP-75 deverão ser liberadas para o tráfego.

Marginal Tietê

Uma equipe do Setor de Operações de Emergência da CETESB atendeu um outro episódio envolvendo um caminhão transportando produto químico, na tarde de 20.01, na capital. Uma carreta bitrem – com dois tanques – transportando cada um cerca de 16.250 litros de ácido sulfúrico – transitava na Marginal Tietê – sentido Castelo Branco, próximo à Ponte da Anhanguera, quando policiais da Companhia de Engenharia de Tráfego – CET, perceberam um pequeno escorrimento de líquido pela lateral de um dos tanques e pararam o veículo junto ao acostamento.

Constatou-se que o vazamento ocorria pela boca de acesso do tanque, na parte superior, através de uma trinca numa solda. Possivelmente, com a movimentação do caminhão, deve ter começado o vazamento do produto, que não chegou a um litro. Por questão de segurança a CET resolveu deslocar o caminhão até a Ponte dos Remédios, onde se encontram técnicos da CETESB, do Corpo de Bombeiros, e da Nitroquímica, de São Miguel Paulista, expedidora da carga, além da Suatrans, empresa especializada em atendimento de emergências químicas. Segundo os técnicos da CETESB, o passo seguinte será a tentativa de se vedar a solda, para estancar o vazamento e retornar com o caminhão, devidamente escoltado, para a própria Nitroquímica, a fim de efetivar a transferência da carga para outro caminhão, com toda a segurança.

Texto
Mário Senaga