Cetesb inaugura estação de monitoramento do ar em Taubaté

A Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) inaugurou, na última quarta-feira (01/10), uma estação de monitoramento automático de avaliação da qualidade do ar em Taubaté.

A nova unidade vai monitorar os poluentes óxidos de nitrogênio (NOx), ozônio (O3), partículas inaláveis (MP10), partículas inaláveis finas (MP2,5), monóxido de carbono (CO), dióxido de enxofre (SO2). Instalada no Parque Municipal Jardim das Nações, a unidade vai acompanhar ainda as seguintes variáveis meteorológicas: direção e velocidade dos ventos, temperatura e umidade relativa do ar, entre outras.

Dados acessados on line

Dados acessados on line

O município de Taubaté conta com uma população de cerca de 300 mil habitantes; uma frota de aproximadamente 120 mil veículos, sendo cortado pela rodovia Presidente Dutra e com um expressivo parque industrial. A estação permitirá avaliar, em tempo real, a qualidade do ar que é respirado pela população, como também, comparar a concentração dos poluentes medidos à luz dos valores recomendados para proteção da saúde e do bem-estar das pessoas.

De acordo com o presidente da Cetesb, Otavio Okano, os resultados do monitoramento servirão para acompanhar as tendências e mudanças na qualidade do ar em razão das alterações nas emissões dos poluentes, e assim, auxiliar no planejamento de ações de controle, entre outros.

Okano entre diretores e gerentes

Okano entre diretores e gerentes

Esta nova estação é resultado de convênio firmado entre a Cetesb e a Ecopistas, em decorrência de compensação ambiental. A Prefeitura Municipal de Taubaté cedeu o espaço para a instalação da estação.

Neste ano, incluindo esta inauguração em Taubaté foram, ao todo, seis estações de monitoramento; duas em Campinas; duas em São José dos Campos, e uma em Guarulhos. Com as novas unidades, a rede de monitoramento passa a contar com 58 unidades, sendo 28 na Região Metropolitana de São Paulo e 30 no interior/litoral, um de aumento de 30%, comparado às 44 unidades existentes em 2011.

As estações da rede automática da Companhia têm capacidade de processar as amostragens em médias horárias e em tempo real. Essas médias são transmitidas para a central de telemetria e armazenadas em servidor de banco de dados, no qual passam por validação técnica periódica e, posteriormente, disponibilizadas de hora em hora no endereço eletrônico da empresa. (dados disponibilizados em: www.cetesb.sp.gov.br) .

Funcionários das Agências prestigiaram a inauguração

Funcionários das Agências prestigiaram a inauguração

Participaram da inauguração junto com o presidente da Cetesb, Otavio Okano, os diretores  Carlos Roberto dos Santos e Aruntho Savastano Neto, prefeitos e vereadores, entre outras autoridades.

Texto: Rose Ferreira
Fotos: José J. Neto